Koh Tao | hospedagem

Por Gabi França


Depois de Koh Samui, veja aqui, próxima parada da viagem: Koh Tao. Uma ilha deslumbrante, pequena, cheia de gringos que largaram tudo e foram morar lá, cheia de escolas de mergulho (para quem quer fazer curso, lá é o lugar, é bem barato), cheia de praias deliciosas além de bares e restaurantes no alto do morro com vistas incríveis. Você só chega nessa ilha de ferry, no cais de Koh Samui você compra sua passagem na hora. Pesquise o horário antes no site

koh-samui-pier-ferry-koh-tao-tailandia

Quem vai para Koh Phangan, a primeira parada do ferry, recebe uma cor de etiqueta e quem vai até Koh Tao que é o destino final recebe outra cor. Tudo muito organizado e fácil. Ficamos na dúvida entre Koh Tao e Koh Phangan, ambas as ilhas são lindas, e a decisão foi tomada apenas por um motivo: não estávamos no clima de festas e sim de descanso e silêncio. Koh Phangan é bem famosa por causa da full moon party, então optamos por Koh Tao.

Ficamos uma semana por lá e foi incrível, deu para fazer tudo bem devagar e descansar bastante! Mas de cara não acertamos na hospedagem. Eu amo hotel, não foi a toa que fiz faculdade de hotelaria, mas quando viajo por um tempo muito longo, tento equilibrar as escolhas para não pesar no orçamento. Como já tinha escolhido um hotel caro no próximo destino (conto tudo em breve sobre essa maravilha), resolvi ficar em um hotel mais em conta em Koh Tao, mas não deu certo. Ficamos hospedados na praia principal - Sairee Beach, no Sairee Hut Resort, que achei ótima a localização, na beira do mar, com uma piscina legal, mas o hotel ficava ao lado de um lugar que tinha festa e foi difícil dormir com a música. O café da manhã era muito simples, comi pão com manteiga e chá, mas sou fresca, então se vocês são do tipo que comem de tudo, não levem em consideração. E o banheiro, esse era o grande vilão na verdade, porque não tinha cortina, o chuveiro ficava ao lado da privada, então se você tomou banho e outra pessoa quer fazer xixi, não consegue sem se molhar. Uma situação bem chata. Nossa acomodação era a mais simples, vi outras bem bonitas mais perto da piscina, mas o valor era bem alto, e ficaria ainda mais perto da música. Aguentei a primeira noite, aguentei a segunda, mas a terceira não rolou. Conseguimos conversar com o hotel, eles devolveram o dinheiro (foram bem legais, já que não era obrigação) e fomos procurar por outro.

banheiro-sairee-hut-resort-koh-tao-tailandia
quarto-sairee-hut-resort-tailandia-koh-samui
piscina-sairee-hut-resort-koh-tao-tailandia

Tentamos primeiro ficar na mesma praia, tem um hotel que fica bem na pontinha que se chama Koh Tao Cabana, a localização dele é ideal pois fica perto do burburinho mas ao mesmo tempo fica afastado do barulho, e ele é lindo de morrer. Mas não entrou de última hora no nosso orçamento. Mas fica a dica pois de repente com antecedência você consegue uma promoção. Então fomos para o hotel que eu já queria desde o começo, mas estava tentando economizar um pouco mas valeu cada centavo, o Beach Club by Haddtien que fica na Shark Bay

koh-tao-cabana-sairee-beach-tailandia
O Koh Tao Cabana é esse hotel bem escondido na mata

Uma praia linda, lugar sossegado mas afastado do centro, não é barato, mas conseguimos uma promoção de última hora. São dois hotéis do mesmo grupo no mesmo lugar, as recepções são separadas e o café da manhã também, mas em outras refeições você pode usar qualquer um dos restaurantes, tem um de massa e pizza e outro de comida típica. Além do que você pode usar a piscina de qualquer um dos hotéis, e são maravilhosas. 

piscina-koh-tao-shark-bay-haadtien-hotel

A estrutura do hotel é incrível e passamos dois dias sem sair de lá. Um café da manhã delicioso, com uma vista de babar, a gente ficava pelo menos umas duas horas aproveitando. Uma cama maravilhosa, quarto com varanda e com vista, e um chuveiro excelente. Os preços eram altos, e o spa mesmo com algumas promoções não dava para fazer. O mergulho e os passeios fechados pelo hotel também eram bem mais caros do que se fechados no centro. Mas nada impede de você fazer essas coisas por fora. Por causa da localização o hotel oferece transporte gratuito em alguns horários para o píer, e conseguimos nos virar bem com isso. O ponto de encontro do transporte era bem em frente a um lugar de massagem maravilhoso. Então sempre rolava uma massagem antes de voltar para o hotel. Mas o transporte só vai até o centro, perto do píer, não chega até Sairee, mas como já tínhamos ficado duas noites em Sairee, já tínhamos andado bastante por lá

quarto-koh-tao-tailandia-haadtien-beach-club
view-quarto-varanda-haadtien-beach-resort

shark-bay-haadtien-beach-resort-koh-tao-tailandia

Info

- Brasileiros não necessitam de visto para períodos até três meses, acima disso é necessário obtê-lo.

 

- Passaporte válido no mínimo 6 meses a contar da data do desembarque (retorno á origem).

 

- Seguro de viagem não obrigatório, mas sempre é bom fazer.

 

- Vacina de Febre Amarela Obrigatória - tomar pelo menos 10 dias antes da viagem e levar o comprovante internacional. A vacina tem validade de 10 anos.

 

- Moeda: Bath

 

- Idioma: Tailandês. Mas dá pra se virar no inglês e na mímica. 

 

- Fuso horário: +10 horas do horário oficial de Brasília

 

- Melhor época:Inverno (ou estação seca), que vai de novembro a abril. 

 

- Os pés são uma diferença cultural importante. Lembrar sempre que não pode entrar com calçados em templos, casas e em algumas lojas. Veja sempre o aviso na porta. E não aponte seus pés no sentido de nenhuma imagem religiosa.

 

- Religião: Predominante budismo

 

- Trânsito: em mão inglesa

 



Compartilha, deixa a notícia viajar por aí, vai!



Dá uma olhadinha aqui ó:


Primeira vez na Ásia | escolhendo os lugares

Koh Samui

Keukenhof | Parque das Tulipas - Holanda