Santa Mônica e Los Angeles

Por Gabi França


Preferimos fazer nossa base em Santa Mônica, que tem clima de cidade pequena e fica bem pertinho de Los Angeles. E não nos arrependemos. Santa Mônica tem uma ciclovia grande, com um parque de diversões na praia, uma rua de pedestres charmosa chamada Promenade, e vários lugares maravilhosos para comer. E você consegue transitar de bike ou a pé.

santa-monica-california-beach-bike-parque-de-diversao

Chegamos no hotel a noite, ficamos no Seaview Hotel que amamos demais: bom, bonito, barato, bem localizado, com vaga. Simples é claro, mas muito limpo e funcional. Tem carinha de pousada. No primeiro dia fomos para Venice Beach, é incrível, com muita arte de rua, lojas legais, e clima bom! Alugamos uma bike e fomos pela ciclovia até lá, é um ótimo passeio. Na volta ficamos passeando pelo centrinho e entrando em todas as lojinhas fofas da Promenade, rua principal de lá.


santa-monica-california

No segundo dia fomos para Los Angeles e um dia inteiro e intenso foi suficiente para conhecer os principais locais. Começamos com visita aos estúdios da Paramount de manhã, depois uma passada rápida no parque da Universal para dar uma voltinha na Múmia e alguns brinquedos mais.

paramount-pictures-stage-hollywood-california
studio-paramount-los-angeles-california
studio-los-angeles-california-paramount

E depois, apesar de turístico e não tão encantador, vou dizer até meio decepcionante, fomos em Hollywood, a dobradinha calçada da fama e teatro chinês. Não podia ficar de fora a tradicional foto no letreiro mais famoso do mundo, subimos até o observatório Griffith para ter a melhor visão. Para fechar passeamos em Beverly Hills, vimos as casas de cinema e demos uma volta na Rodeo Drive. 

calcada-da-fama-hollywood-los-angeles-california
los-angeles-hollywood-california
rodeo-drive-los-angeles-california

No terceiro dia fizemos um bate e volta de Santa Mônica para San Diego, são duas horas de viagem! Marcamos nossos pontos de interesse no mapa e lá fomos nós. Começamos pela Coronado Island. É lá que fica o Hotel Del Coronado, famoso por causa da gravação do filme Quanto mais quente melhor de Marilyn Monroe, e ainda é a maior construção toda em madeira da América, de lá fomos para o Balboa Park ótimo para uma caminhada. Fomos também em La Jolla, fica a uns 15km do centro da cidade, uma praia linda, vários restaurantes, lojas, galerias e casas espetaculares, tudo de frente para o mar. Passar pelo menos uma tarde por lá é um dos passeios mais gostosos para se fazer. Para terminar passamos no Gaslamp Quarter, com muitos bares e restaurantes, região bastante animada. 

la-jolla-san-diego-california

Comemos muito bem nessa parte da viagem, todas as nossas experiências gastronômicas foram maravilhosas, acho que por isso que gostei tanto de lá. Foi meu lugar preferido da viagem.

 

- Cora´s Coffee Shop, café da manhã maravilhoso ao lado do hotel, parece que os locais frequentam bastante lá, e é uma delícia. Fica com fila no final de semana.

 

- O Urth Café, continuando no clima de café da manhã, este café é bastante conhecido pelas celebridades que passam por lá, por sua comida orgânica e super fresca, muito bom também.

 

- Le Pain Quotidien, não é americano, tem espalhado no mundo inteiro, também com gostosuras orgânicas e mesas comunitárias, sou alucinada pelo chocolate quente de lá e pelo croissant de chocolate. Fomos na filial do Original Farmers Market, em Los Angeles, que é um lugar imperdível por lá. Vale o passeio.

 

- Benihana, na rua atrás da Promenade, na direção contraria a praia, é tipo um chinês que o cara prepara tudo na sua frente numa chapa, tem várias variedades de saques, tem que reservar.

 

- BOA, comemos uma carne maravilhosa, e o restaurante é super fofo.

 

- Hamburgueria Umami, nasceu em Los Angeles e se espalhou por lá, tem em vários locais e é um dos melhores hambúrgueres que já comi. Vale muito a pena.

 

- La Vecchia, restaurante italiano maravilhoso,

 

- Ivy at the Shore com decoração super tropical e especializado em frutos do mar. 

No dia seguinte partimos cedo para Las Vegas


Info

- Brasileiros necessitam de visto americano para entrar no país

 

- Passaporte válido no mínimo 6 meses a contar da data do desembarque (retorno á origem).

 

- Seguro viagem: não obrigatório, mas é sempre bom fazer

 

- Moeda: Dólar

 

- Idioma: Inglês

 

- Fuso horário: 

No horário de verão brasileiro (de outubro a fevereiro) a diferença é de 5 horas a menos na Califórnia

No horário normal (de março a outubro) a diferença é de 4 horas a menos na Califórnia



Compartilha, deixa a notícia viajar por aí, vai!


Dá uma olhadinha aqui ó:


17-mile-monterey-carmel-eua-o-que-fazer

Monterey e Carmel

Passeando com conforto em NY

Eataly SP - eat + Italy